O primeiro single dos Beatles e suas versões

Aqui apresento a vocês o primeiro single oficial dos Beatles lançado em 5 de outubro de 1962, pois não há uma prova de que o compacto “Ain’t She a Sweet/Cry For a Shadow” (gravado na sessão em que os Beatles gravaram com Tony Sheridan, em 1960)tenha sido lançado antes de 1963.
.
.
Love me do, a versão do compacto, foi gravada em 4 de setembro de 62, com a bateria do RINGO! Sim, é ele lá. Mas daqui a pouco eu falo disso com mais detalhe pra toda a história ter sentido.
.
Ps: I Love you é da sessão de 11 de setembro de 1962, Ringo não toca a bateria da mesma, nesse dia quem comandou as baquetas foi Andy White, um músico de estúdio contratado por George Martin.
.
.
Tanto a versão de Ps. I love you e Love me do (a que tem pandeiro) são produzidas por Ron Richards, George Martin só chegou na sessão de gravação logo após as versões terem sido terminadas.
.
.
Mas não fiquem chateados por acharem que o Ringo não participa da versão que está no Please Please me, ele está lá sim, só que tocando pandeiro (Love me Do) e Maracas (Ps: I Love You).
.
Outro detalhe interessante: Não existe master estereo de nenhuma das gravações! Muito menos takes. Ou seja, por todos os anos as gravações e novas edições foram sempre em formato mono!
.
(uma breve explicação para o mono: é um som uníssono, ou seja, não há uma variação de um canal de som ao outro. Há claro uma mixagem perfeita para isso para que não haja uma bagunça sonora em uma simples banda, há uma variação entre o volume do vocal com bumbo da bateria, com o baixo e tal. O estereo funciona da seguinte maneira: coloque um fone de ouvido em um aparelho estereo… vê a variação de um instrumento ou voz para um canto e outras vozes instrumentos ou efeitos para outro lado? Essa é a magia do Estereo! Quer um belo exemplo? Escute Bohemian Rhapsody do Queen do Album “a Night at the opera”)
.
Mas se você acha que isso é um fato chato? Quer saber um pior? O master do Ringo tocando love me do na bateria foi destruído! A partir de 1963 o compacto em questão foi lançado só com as versões de Andy White!
.
Agora a coisa legal: No Brasil, o primeiro compacto “oficial” dos Beatles em 1964* contém uma versão de Love me do … Do Compacto! Foi a única vez que essa versão saiu por uns 16 anos!
.
A versão de Andy White saiu pela primeira vez por aqui no album “The Beatles Again“, o segundo album Brazuca dos Garbosos Rapazes de Liverpool.
.
.
A maioria dos masters eram feitos no Brasil a partir de Long Plays e Compactos trazidos de fora, geralmente da Inglaterra mesmo, já que não se tem muita semelhança com o material feito nos Estados Unidos (questão de mixagens e tal). Resumindo: pegava-se um disco da banda, colocava-se num toca disco, esse toca disco enviava para uma fita master e pronto!
.
Em outros tópicos a frente vou falar também sobre a mixagem estereo, no Brasil CUSTOU a chegar. Tem-se nota de que o primeiro saiu só em 1965 para o album Beatles’65 (um rateio de músicas do album Beatles for Sale), mas é hiper raro, e talvez o único, com excessão dos discos lançados a partir de 67!
.
Em 1980 a versão do Ringo voltou a circular graças a versão americana do album Rarities.Um novo master foi feito a partir de uma cópia do compacto em ótimo estado de conservação.
.
.
A mesma versão voltou a aparecer nas duas versões do album Past Masters (1988 e 2009)
.
.
* tem dois compactos que saíram no Brasil antes do lançamento oficial: em 1963 saiu o compacto simples “Please Please me/From me to you” e depois, no inicio de 1964, saiu o compacto duplo “Twist and Shout/a taste of honey/Do you want to know a Secret/There’s a Place”

Mais uma vez obrigado a todos que curtiram a matéria e podem esperar que logo logo eu volto com mais matérias!
Se ficou alguma dúvida de alguns termos, consulte a parte 1 dessa coluna.
.

Por André Katz
Anúncios

9 Respostas para “O primeiro single dos Beatles e suas versões

  1. Muitas curiosidades, ótimo!

  2. Antes que eu morra, por favor, alguém me responde… Porque o George saiu lá em cima naquela foto? E no lugar onde deveria ser a foto dele colocaram um “G”?

  3. queroooo

  4. Eu tenho aquele LP ‘The Beatles Again’, alguém sabe me dizer se é raro ou mais comum?
    Obs.: ele veio na capa do Let It Be rsrs’.

  5. Ele é original de 1964, e tá bem inteiro (:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s